Uncategorized

vi o meu coração…

Vi o meu coração na ecografia. A bater parece uma máquina de lavar barulhenta, há uma válvula que abre e fecha mal e uma parede mais grossa do que devia, com cicatriz. Ele apontou para ecrã com a esferográfica, está a ver aqui, Maria Rosa? Eu ri-me e perguntei, ó doutor, a cicatriz pode ter sido um desgosto que tive na vida?, ele disse que já viu isso acontecer, que tudo se pode alterar de repente numa situação de grande stress. Então quer dizer que é mesmo verdade quando se diz
– tu partiste-me o coração
e
– tenho o coração partido.
E o cardiologista disse que é verdade, mas só em parte, o que acontece de facto é uma ferida, o coração é demasiado elástico para partir.

Espelho da Água, Rui Cardoso Martins in Granta I

Advertisements
Standard